Voltar

14/11/2017 10:33

Câmara aprova três moções para saúde

Comissão de Saúde da Câmara de Bragança aprova parecer favorável a três moções
12 de novembro de 2017 Redação Bragança Paulista 0

 
Comissão de Saúde da Câmara de Bragança aprova parecer favorável a três moções
 

 

A Comissão de Educação e Cultura, Esporte, Saúde, Saneamento e Assistência Social da Câmara de Bragança Paulista aprovou por unanimidade, nesta quarta-feira (8/11), os pareceres favoráveis a mais três moções. As moções solicitam estudos ao Executivo para garantir melhorias para as áreas de educação, saúde e transporte público.

 

 

O primeiro parecer discutido foi o da moção 67/17, do vereador Sidiney Guedes. A moção solicita estudos para a construção de uma escola municipal no bairro do Curitibanos. O relator foi o vereador Natanael Ananias, que defendeu a iniciativa, frisando a importância de garantir a educação a todos.

 

 

Na moção 68/17, do vereador Claudio Moreno, foi solicitada a instituição da tarifa social do transporte urbano, com redução do preço das passagens de ônibus em 2018. O relator, vereador Antonio Bugalu, foi favorável, solicitando do Executivo atenção para que o benefício seja usado pelas famílias que realmente precisarem.

 

 

Encerrando a pauta foi votado o parecer da moção 69/17, do vereador Mario B. Silva, que requer estudos visando a construção de um Complexo Aquático e de um Centro de Reabilitação para atletas no terreno ao lado do Ginásio Municipal de Esportes Rubens Battazza, na Cidade Planejada II. O relator, Dr. Claudio, destacou a importância da área para prática esportiva da população e também atividades da saúde.

 

 

Composta pelos vereadores Natanael Ananias (presidente), José Gabriel (vice), Antonio Bugalu, Dr. Claudio e Rita Leme a Comissão volta a se reunir, excepcionalmente, na segunda-feira (13/11), às 8h30, na Câmara Municipal (Praça Hafiz Abi Chedid, 125, Jardim América). A mudança do dia e horário da Comissão acontece por conta do feriado nacional da Proclamação da República (15/11). Os trabalhos podem ser acompanhados pela internet, no site

 

 

 

Da Redação com informações provenientes da ANSA


← Voltar