Voltar

23/04/2018 09:14

Mulheres vítimas de violência terá atendimento capacitado


 
I Capacitação sobre o Atendimento e Proteção à Mulher Vítima de Violência será realizado em Bragança Paulista

O evento reunirá representantes de diversas instituições da região com o objetivo de ajustar os atendimentos prestados em todos os municípios da COMARCA.

 

A Prefeitura da Estância de Bragança Paulista, por meio da Secretaria Municipal de Ação e Desenvolvimento Social (SEMADS), realizará nos dias 23 e 24 de abril, a “I Capacitação sobre o Atendimento e Proteção à Mulher Vítima de Violência”, das 8h às 17h, no Núcleo de Apoio ao Professor e Aluno (NAPA), para representantes de diversos órgãos e instituições da região.

 

Para participar desse evento, a Administração Municipal convida os prefeitos e representantes da Câmara Municipal dos municípios pertencentes à COMARCA da região bragantina (Bragança Paulista, Tuiuti, Pedra Bela, Vargem e Pinhalzinho), as oito Promotorias do Ministério Público, todos os juízes do Poder Judiciário, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), Polícia Militar, Delegados Seccionais da Polícia Civil, Secretários Municipais de Bragança Paulista e representantes das unidades, equipes da SEMADS (Creas, Cras, Centro Pop, Casa de Passagem, CDI), Organizações da Sociedade Civil que executam serviços socioassistenciais, Deretoria Regional de Ensino, Conselhos Tutelares da região, Instituto Federal, FESB, Universidade São Francisco, HUSF e Santa Casa.

 

No dia 23, a promotora do Ministério Público, Drª. Ana Maria Buoso, fará a abertura do evento e apresentará os aspectos jurídicos da Lei Maria da Penha, após haverá um espaço para perguntas e respostas. Na parte da tarde, terá a palestra “Pesos e medidas do simbólico e do imaginário nos atos de violência cotidiana contra mulheres”, que abordará o contexto histórico sobre o debate internacional acerca da violência contra mulheres e alguns conceitos importantes como, por exemplo, diferença sexual, gênero/transgênero, sexualidade viril, representação sacrificial do corpo da mulher, reincidência da violência e naturalização da violência.

 

Essa palestra será ministrada por Karla Adriana Martins Bessa, pesquisadora do Núcleo de Estudos de Gênero PAGU/Unicamp e professora dos programas de pós-graduação em Ciência Sociais e Multimeios da mesma Universidade. Karla é Doutora em História Social (Unicamp) e Professora Visitante da Universidade de Michigan - EUA (2004) e do King’s College London (2014).

 

No segundo dia do evento, na parte da manhã, haverá a apresentação dos fluxos de atendimento de cada cidade, no que tange o atendimento a mulheres vítimas de violência. Já na parte da tarde, Karla Adriana Martins Bessa, atuará como facilitadora do processo de comunicação e de (re)construção dos fluxos de atendimento às vítimas de violência, comentando as propostas dos fluxos apresentados.

 DIBP

 


← Voltar